Sobre o primeiro aniversário de um filho


Todo ano é a mesma coisa. Meus pais vêm me dar parabéns com aquele mesmo discurso… “a essa hora, tantos anos atrás, eu estava…” Eu acho graça e penso comigo: “todo ano eles fazem tudo igual”…

Desde ontem, véspera do aniversário de Theo, que penso:

“Eita, há um ano, a essa hora, eu estava sentindo as primeiras contrações”…

“Ano passado, a essa hora, eu estava indo pro hospital”…

“Faz um ano que vi meu gordinho pela primeira vez”.

theonocoloprimeiravezuti

É inevitável!

Muita coisa na maternidade já me mostrava que eu faria igualzinho aos meus pais. Esse discurso de aniversário é mais uma delas.

O primeiro ano do seu filho é mesmo de muita comemoração, lembranças. O ano todo é muito intenso, de mil descobertas, dele e sua. E voou! Aquela história de “aproveita que passa rápido” é mesmo uma grande verdade.

Uma tia querida me disse durante a gravidez: “Mila, é muito bonito acompanhar o primeiro ano de uma criança”. Ela estava certa. Quando olho para trás e vejo as tantas conquistas dele nessee tempo, me encho ainda mais de alegria. Desde o primeiro olhar, o primeiro sorriso, a primeira mamada, o “mamã”, os dentes, os primeiros passinhos… tanta coisa! E eu ter condições de estar junto a ele nesse tempo, nessas conquistas, é outro grande presente.

E o primeiro aniversário de um filho é também aniversário dos pais. Pela alegria de vê-lo completando seu primeiro ano de vida, mas também por completar um ano como mãe/pai.

camilaetheohospitalcolo

Há um ano eu tento ser mãe. Faz um ano que eu estou descobrindo que mãe sou eu, errando e acertando. Testando e aprendendo. Comendo frio. Dormindo pouco. Brincando muito. Me doando ao máximo. Sorrindo e chorando. E com o coração repleto de amor. Amor este que também faz aniversário hoje!

Aliás, esse é o grande protaginista dessa festa.

Viva Theo!


Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *